Blog

Hospitalar 2017: pavilhão internacional movimenta negócios entre o Brasil e o mundo

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
Com mais de 1.250 expositores de 34 países, a 24ª Hospitalar tem se mostrado uma grande vitrine de inovações e via intermediária de bons negócios entre o Brasil e diversos países do mundo.

Em seu pavilhão internacional dedicado especialmente às empresas estrangeiras que desejam fazer negócios com o Brasil, o evento vem reunindo compradores e vendedores em novas parcerias, apontando uma movimentação importante para o setor e para a economia.

Pela primeira vez no Brasil, a empresa indiana HMD participa da feira com seus produtos voltados para a coleta de sangue. Com exportações para o Peru e Argentina, vê no Brasil um potencial de mercado muito grande que deseja explorar. “A Hospitalar é a principal porta de entrada para o mercado brasileiro e ajuda também com contatos com os outros países do continente. Estamos muito satisfeitos com a nossa participação no evento e acreditamos que a partir daqui faremos bons e novos parceiros comerciais”, afirma Rajiv Nath, diretor da empresa.

Também pela primeira vez no Brasil e na feira, a Pavis, empresa italiana de produtos ortopédicos, profiláticos e de reabilitação, acredita na força do mercado nacional e dos países vizinhos. “Temos um desejo muito grande de atuação no Brasil e na América do Sul. Fizemos contatos com o Paraguai e com o Uruguai e isso nos anima. Estar aqui tem sido fundamental para fazer esse primeiro contato com esses mercados”, disse Corrado Daolio, diretor de exportação.

Com negócios no Chile, a francesa Scaleo Medical, empresa de equipamentos seguros para cuidados especiais também participa pela primeira vez da Hospitalar. Presença constante em eventos internacionais, vê na feira, a maior do segmento das Américas, a melhor oportunidade de fazer novos parceiros no Brasil e na América Latina. “O Brasil é o maior mercado da América do Sul então fizemos questão de estarmos presentes para conhecermos de perto as oportunidades por aqui, além de ampliar nossa rede com os países próximos”, comenta Antoine Nicol, representante da empresa.

Presente no Pavilhão da Argentina, viabilizado por uma inciativa do governo sul-americano com as empresas locais daquele país, a InterLab Desarrollos, empresa de tecnologia, expõe pela primeira vez no Brasil com quem que já mantinha negócios há mais de 2 anos. “A feira é uma grande vitrine, uma oportunidade única de exposição do nosso produto. Está sendo muito importante para nós essa participação e estamos muito satisfeitos, pois além de aumentar nossas parcerias aqui, estamos conseguindo fazer novos contatos com outros países, como Índia, Peru e Chile”, afirma Diego Lópes, responsável comercial.